Voltar para home.
Postado por <brasilbrokers>
12 fev

Como montar um bazar em casa em 7 passos

Fazer um bazar em casa pode ser uma boa ideia para você abrir um bom espaço em diversos armários e cômodos

Bazar com roupas montado na garagem

Quem nunca passou dos limites e acumulou móveis, peças de decoração ou roupas em bom estado que não serão utilizados novamente? Em tempos de liquidação, um dos erros mais comuns é adquirir itens dos quais não precisamos e acumulá-los em nossas casas até que não haja mais espaço algum. Para lhe salvar nesse momento, montar um bazar em casa pode ser a oportunidade perfeita para você repassar os objetos que possui e ainda descolar um dinheirinho extra.

Para lhe ajudar a colocar essa ideia em prática, fizemos um guia básico com 7 passos para lhe mostrar como montar um bazar em casa e arrasar nas vendas sem gastar muito para isso.

1.Considere se você possui o espaço necessário para as vendas

Mulher sentada em um sofá montando um planejamento

Quem monta um bazar em casa geralmente o faz na garagem, especialmente para evitar que desconhecidos entrem na sua casa. Por isso, caso você também queira deixar as coisas à venda do lado de fora, é necessário avaliar se a sua garagem tem o espaço hábil para você expor os objetos, sem que fique desconfortável para as pessoas circularem e conferirem as opções. Lembre-se que ambientes apertados tendem a repelir os compradores.

2.Avalie as peças, móveis e outros itens que estão guardados há muito tempo

Caixas de papelão separadas

Nesse processo, é necessário exercitar um pouco o desapego e manter em mente que se passamos meses e até anos sem usar algo — independentemente do que for — geralmente não iremos utilizar esses objetos no futuro. Sendo assim, tenha o devido cuidado para evitar se apegar a objetos que serão esquecidos novamente.

Além disso, separe os itens em bom estado. Objetos mal conservados podem espantar os clientes e atrapalhar as suas vendas.

3.Pense na forma que irá expor os produtos

Vários modelos de roupa dispostas em cabides

Após separar os itens que você pretende vender, é importante pensar na forma que irá expô-los, afinal, a apresentação é um dos principais fatores que atraem um comprador em potencial.

Se você deseja vender roupas, por exemplo, considere expô-las em uma arara – caso tenha uma ou conheça alguém que possa emprestar. Se não for possível, reserve uma mesa ou aparador amplo para expor as peças dobradas de forma organizada.

Ao expor móveis, evite deixá-los amontoados, especialmente para evitar possíveis danos. Caso tenha coisas demais para vender, considere realizar o bazar uma segunda vez, ao invés de inserir todos os itens no mesmo lugar de uma só vez.

4.Limpe os itens que serão vendidos

Pessoa limpando móveis com pano

Móveis empoeirados e roupas malcheirosas podem ser uma das razões dos compradores desistirem de comprar algo em seu bazar. Por isso, antes de realizá-lo, é importantíssimo deixar cada um dos itens limpos e organizados para torná-los ainda mais atraentes e oferecer uma boa imagem aos compradores.

5.Determine preços coerentes para cada item

produtos no bazar com preço em cima

Ao determinar os preços para cada peça, lembre-se de manter uma certa coerência em relação ao estado de conservação, à marca (especialmente no caso de sapatos, acessórios e roupas), aos materiais utilizados na produção e à função que possui.

Mesmo que você queira obter o máximo de dinheiro em seu bazar em casa, preços elevados tendem a prejudicar as vendas e você poderá terminar não vendendo tanto o quanto gostaria.

6.Divulgue a data e o horário em que seu bazar será realizado

mulher digitando no computador

Divulgar o seu bazar é um passo fundamental para atrair pessoas e vender muito mais. Dentre as formas que você pode realizar essa tarefa, a mais fácil é utilizar as redes sociais — criar um evento no facebook, por exemplo, pode ser uma boa opção. Distribuir panfletos para os moradores da região ou, ainda, colocar uma placa no portão de sua casa com o dia e o horário que o bazar irá acontecer é uma maneira de alcançar os vizinhos.

7. Antes de abrir o bazar, tome algumas precauções

pessoa destrancando a porta com chave

Arrumou todos os itens e está pronto para vender as peças? Lembre-se de ficar atento aos compradores e preferencialmente deixe a sua casa fechada, a fim de evitar algumas situações que podem ser potencialmente desagradáveis.

Dicas extras para o seu bazar em casa

Panelas, vasos e bules enfileirados em uma mesa de madeira

– Tente criar uma atmosfera acolhedora: uma boa forma de incentivar a presença do comprador é separar um canto para colocar água, café e alguns biscoitos, assim ele poderá se sentir confortável para ficar no local por mais tempo e continuar olhando os produtos disponíveis.

– Aproveite a oportunidade para desapegar: no seu bazar você pode vender móveis, roupas, acessórios, sapatos, pratos, taças, discos, eletrônicos, livros… Seja criativo e não tenha medo de desapegar de itens que não farão falta no futuro.

– Separe troco antes de iniciar as vendas: assim você evita ter que sair para trocar o dinheiro ou correr o risco de perder uma venda.

– Deixe os preços claramente discriminados. Algumas pessoas são um pouco mais tímidas e podem se sentir repelidas a conferir os itens à venda caso tenham que perguntar o preço de cada peça individualmente.

– Explicite as formas de pagamento aceitas: fazer uma plaquinha indicando quais formas de pagamento você aceita (cartão, transferência bancária, dinheiro, etc.) é uma boa forma de evitar que compradores se frustrem ao não conseguirem realizar o pagamento do item que desejam.

Esperamos que as nossas dicas sobre como montar um bazar em casa lhe ajude a ter a melhor experiência possível e realizar boas vendas.

Para ter acesso a mais dicas para a sua casa – desde eventos à decoração – confira os demais posts do Blog da Brasil Brokers e inspire-se conosco!

Comentário: Nenhum comentário