Escolha a Cidade:

Voltar para home.
Postado por <brasilbrokersoficial>
22 set

Após quatro anos de obras, a Prefeitura do Rio de Janeiro reinaugurou e entregou à população a Praça Mauá. A obra, que fez o local ficar seis vezes maior que o traçado antigo, tem vista livre para a Baía da Guanabara e um viaduto a menos, é mais um importante marco do processo de revitalização que a zona portuária carioca vem passando nos últimos anos e mudando a cara da cidade.

Durante o tempo em que foi ocupada por máquinas, operários e tapumes, o seu entorno ganhou dois grandes equipamentos urbanos que farão do local um importante point cultural da cidade. Ali foi criado o Museu de Arte do Rio (MAR) e em breve será inaugurado o Museu do Amanhã.

Além das melhorias de infraestrutura urbana, o projeto de revitalização Porto Maravilha prevê a construção de empreendimentos residenciais, comerciais e hoteleiros. Alguns deles já estão em plena construção. “A zona portuária, que tem em torno de cinco milhões de metros quadrados será ótima para tudo. Seja morar, trabalhar e investir. Está praticamente sendo feito um bairro novo e com uma excelente localização. Tendo inclusive uma bela vista para a Baía da Guanabara”, diz Mario Amorim, diretor-geral da Brasil Brokers no Rio.

Ainda segundo o executivo, há mais de 20 anos o mercado imobiliário não conseguia propiciar uma renovação de imóveis na região. Para ele, o Porto Maravilha veio preencher essa lacuna.

Praça Mauá revitalizada. Ao fundo o Museu do amanhã, projeto do arquiteto espanhol Santiago Calatrava.

Praça Mauá revitalizada. Ao fundo o Museu do amanhã, projeto do arquiteto espanhol Santiago Calatrava.

Em dicas para o lar
, , , ,

Comentário: Nenhum comentário

Deixe seu recado