Escolha a Cidade:

Postado por <brasilbrokers>
18 jan

Os apartamentos oferecem maior sensação de segurança do que as casas, enquanto as residências garantem mais liberdade. Confira a que melhor se adapta à sua preferência.

CASA

Para os que buscam privacidade uma das principais características de uma casa é o espaço que geralmente é bem maior que de um apartamento. Dependo do tamanho do terreno, é possível utilizar para fazer uma piscina, aumentar a lavanderia, fazer um cômodo a mais ou até mesmo investir em um quintal bem decorado ou com paisagismo, horta orgânica e outras coisas. No caso de um apartamento isso não será possível.

A casa oferece um espaço maior e a ausência de vizinhos tão próximos, criando maior privacidade. Afinal quem estabelece as regras são os próprios moradores, diferente de um apartamento, em que é preciso conviver com as regras impostas pelo condomínio.

Vale ressaltar que em uma casa você irá arcar com as despesas de manutenção, limpeza de esgoto, caixa d’água, possível problema de pintura, encanamento, dedetização.

Por isso, vale a pena uma pesquisa minuciosa e saber o que melhor atende. Nada melhor do que conversar com amigos que morem em uma e saber como é a rotina.

 

APARTAMENTO

Para os que não abrem mão da segurança, os apartamentos contam com esse quesito a seu favor, especialmente se tiver uma portaria monitorada 24h e câmeras espalhadas pelo prédio.

Outro ponto positivo é a área de lazer, essas áreas de convivência são pontos cruciais na hora de fechar negócio. Boa parte dos prédios também possuí academia própria, o que significa que, além de você e sua família se exercitarem sem sair de casa, você pode economizar com a mensalidade de uma academia particular. E uma das maiores vantagens de morar em apartamento, nesse caso, é que você tem acesso a todo esse lazer sem precisar se preocupar com a manutenção. Piscina, quintais e jardins demandam investimento, limpeza e cuidados, mas não no caso de quem mora em prédio, onde isso tudo fica por conta do condomínio.

 

Pense em todas as antes de fechar negócio. Agora, se você quiser equilibrar os benefícios de cada um deles, verifique a possibilidade de mudar para uma casa dentro de um condomínio.

Ficou com alguma dúvida e quer ter a opinião de um especialista? Entre em contato conosco pelo site e converse com um Consultor Brasil Brokers, vamos te ajudar a encontrar um imóvel adequado para você!

Em Mercado Imobiliário
, , ,
Postado por <brasilbrokers>
11 jan

Há algum tempo se fala sobre energia solar, mas ainda existem algumas dúvidas sobre o assunto. Uma delas é: “será que vale a pena?”, “realmente irei economizar?”, “ como funciona?”. Essas são algumas das questões que nos perguntamos quando o assunto é energia solar.

Para você que não conhece muito a respeito, energia solar é a eletricidade gerada a partir da luz do sol. Ela é uma energia limpa, e totalmente renovável, ou seja, não agride o meio ambiente e a economia de luz é um ponto muito positivo, afinal, é uma forma de economia.

Por isso, separamos algumas questões úteis sobre esse sistema e quem sabe aderir em sua casa.

1-Quanto tempo o equipamento dura?

Os módulos têm vida útil estimada entre 25 e 30 anos para uma geração aceitável de energia.  Os inversores, por sua vez, têm uma vida estimada entre 12 e 15 anos, necessitando sua troca na metade do tempo de duração de um sistema.

2-Qual o valor de investimento?

Um sistema de qualidade sai a partir de R$15.000,00, aproximadamente, já com todos os custos inclusos. Nossa dica é você ficar atento na hora de contratar o serviço, é importante verificar tudo que vem incluso e analisar a empresa.

3-Como funciona a produção de energia solar?

A energia é produzida pelo contato da luz com os módulos fotovoltaicos. Ela é levada até o inversor, que transforma esta energia naquela que utilizamos em nossos eletrodomésticos, e joga na nossa rede elétrica. Por isso, estas duas partes (módulos e inversor) são o coração do sistema. Quando chega à noite, e a geração de energia é interrompida pela falta de luz solar, utilizamos estes créditos gerados durante o dia para o abatimento da energia consumida no período.

Lembre-se que além de economizar na sua conta, a maior vantagem é a ambiental. Uma energia limpa e principalmente que visa otimizar o uso de hidrelétricas, que possuem um alto custo de geração e envolvem perdas elétricas. Que tal começar novos hábitos e pensar mais no meio ambiente?

 

 

Em Dicas para o Lar
, , , ,