Escolha a Cidade:

Postado por <brasilbrokersoficial>
05 ago

O mês de agosto chegou e trouxe alguns eventos para quem é apaixonado por decoração e quer ficar “antenado” com o que é tendência e lançamentos. Não deixem de conferir!

4ª Mostra Polo Design Show

Hoje, 5 de agosto, começa em São Paulo, a 4ª Mostra Polo Design Show, mostra de decoração em São Bernardo do Campo. Um dos destaques é a estante  quebra-cabeça, desenhada por Eliana de Sousa. A arquiteta elaborou um estudo grande até chegar à equação certa para ser projetada em triângulos múltiplos de 30 e conquistar o equilíbrio perfeito.

Triangulação perfeita: espaço assinado por Eliana de Sousa com destaque para a estande quebra-cabeça

Triangulação perfeita: espaço assinado por Eliana de Sousa com destaque para a estande quebra-cabeça

Além disso, as arquitetas Fernanda e Mariana Mattos também estarão presentes. O ambiente assinado pela Mattos Arquitetura tem como tema o Living Apartamento, com referências contemporâneas que privilegia materiais nobres e traz tendências como o tom de madeira suave e o mobiliário com mármore e de linhas retas. Com inspiração intimista, tons de bege e mobiliário em mármore, o ambiente de 50 m² possui uma proposta elegante e sóbria ao mesmo tempo.

Espaço assinado pela Mattos Arquitetura

Espaço assinado pela Mattos Arquitetura

A Gorenje do Brasil, por meio de seus revendedores AMASF COIFAS, e UD HOUSE, também marcam presença no evento com refrigeradores coloridos da linha retro no Restaurante assinado pela arquiteta Paula Leme. Os cooktops dominós da marca vão compor o Espaço Gourmet da arquiteta Maximira Durigan.

Refrigerador laranja da linha retro da Gorenje

Refrigerador laranja da linha retro da Gorenje

25ª Craft Design

Na próxima semana, outro evento será realizado aqui em São Paulo. Idealizada pelas empresárias Daniela Cecchini e Elaine Landulfo, a 25ª Craft Design é uma feira de negócios que irá apresentar as tendências na área de decoração, design e  arte.  Durante os dias 14 a 17 de agosto, os profissionais do setor poderão conhecer as novidades no Centro de Convenções Frei Caneca. Nesta edição, 180 expositores nacionais e internacionais estarão distribuídos em 6.200 m². Durante os quatro dias do evento, são esperados aproximadamente 7.000 mil profissionais do setor.

Adriana Yazbek

Luminárias de papel projetadas pela designer brasileira Adriana Yazbek que estará presente na 25ª Craft Design

Além dos lançamentos de produtos, a feira irá apresentar a Exposição Promenade – Um passeio pelo design Holandês. E mais duas palestras: “A importância do objeto artesanal brasileiro no mercado nacional”, ministrada pelo designer Sergio Mattos e “Interior View PANTONE 2015”, palestra temática desenvolvida pela PANTONE, através de um book de tendências, ministrada por Blanca Liane Cernohorsky, diretora executiva Lexus Groupe.

4ª Mostra Polo Design Show
Data: 05 de agosto a 14 de setembro
Horário: 12h às 21h (terça a domingo e feriados)
Ingressos a partir de R$ 10,00 (dez reais)
Local: Pavilhão Vera Cruz
Av. Lucas Nogueira Garcez, 856 – São Bernardo do Campo – SP
www.polodesignshow.com.br

25ª Craft Design 
Data: 14 a 17 de agosto
Horário: dias 14 a 16 das 10h às 20h / dia 17 das 10h às 19h
Local: Centro de Convenções Frei Caneca
Rua Frei Caneca, 569, 5° andar – São Paulo – SP
www.craftdesign.com.br
Evento exclusivo para profissionais do setor

Em Decoração
, , , , , , , ,
Postado por <brasilbrokersoficial>
08 fev

A cada dia cresce o número de pessoas que deixam de trabalhar dentro de empresas e escritórios para trabalhar de casa. Para aqueles que moram em espaços pequenos e acham que o tamanho do ambiente pode ser um obstáculo, algumas dicas e truques podem  mudar esse pensamento. É possível fazer um home office em um espaço pequeno! Você pode criar um escritório em casa sem complicações, tudo que você vai precisar é encontrar um pequeno recinto dentro de casa e criatividade para criar o seu próprio escritório doméstico.

A maior parte de nossas vidas passamos estudando ou trabalhando, por esse motivo é importante que o ambiente de home office seja inspirador. Uma das coisas mais importantes para se lembrar durante o projeto de pequenos escritórios em casa, é empregar de decoração, mobiliário, mesas e armários que não ocupem muito do espaço para as pernas. Se o espaço já for limitado, a melhor maneira de maximiza-lo é ajustar os móveis da forma mais inteligente possível. “Como o espaço já é reduzido vale a pena investir numa cadeira confortável e que privilegie a ergonomia. Estas opções têm valor elevado, mas valem cada centavo”, comenta a arquiteta Lulu Andrade da Adoro Arquitetura.

Para muita gente a ideia de um escritório em casa é vista como um luxo, mas trabalhar de um laptop no sofá por longas horas não é o ideal, então essa ideia divertida de “escritórios portáteis / dobráveis” parece ser a solução perfeita. Foi pensando nisso que o Home Made Modern (homemade-modern.com) fez um passo a passo de como montar um home office com elementos fáceis de serem achados. O conceito de pendurar uma cadeira na parede pode até parecer estranho, mas dá ao ambiente um ar moderno e arrojado.

hmm_ep24_foldupoffice_pcard (1)

Crédito: HomeMade Modern

Uma ótima maneira de ter um escritório em casa em um espaço pequeno é converter seu armário para um escritório. Criar um home office dentro de um armário também é um excelente jeito de mantê-lo escondido quando as visitas chegam!

Home office dentro do armário, ótima opção para quem tem pouco espaço. Crédito: Blog Ariane Lima Arquitetura.

Home office dentro do armário, ótima opção para quem tem pouco espaço. Crédito: Blog Ariane Lima Arquitetura.

Se o ambiente não tiver uma boa iluminação é sempre bom recorrer para as luminárias de mesa. Para Lulu Andrade, na hora da escolha da lâmpada, o ideal é optar pelas fluorescentes ou leds. “Elas não emitem quase nenhum calor e produzem luz homogênea o que dará conforto na hora da leitura e do trabalho”, finaliza a arquiteta.

Confira abaixo algumas inspirações para criar o seu próprio home office:

Home office moderno no canto da escada. Crédito: Decoist.com.

Home office moderno no canto da escada. Crédito: Decoist.com.

foto 03 - home office

Crédito: {decô}.

Home office super compacto, com escrivaninha, prateleiras e nichos. Quando você precisar usar basta abrir para acessar a bancada! Crédito: {decô}.

Home office super compacto, com escrivaninha, prateleiras e nichos. Quando você precisar usar basta abrir para acessar a bancada! Crédito: {decô}.

Para quem não quer que o home office fique visível o tempo todo. Crédito: Rosamundo.

Para quem não quer que o home office fique visível o tempo todo. Crédito: Rosamundo.

 

 

 

Em Decoração
, , , , , , , , , , ,
Postado por <brasilbrokersoficial>
15 abr

Uma ótima escolha para quem gosta de apostar em soluções inusitadas e bonitas, o cimento queimado é uma opção rústica e antiga, mas ao mesmo tempo elegante, moderna e prática para decorações de ambientes. É uma das alternativas de acabamento mais usadas no momento nas casas brasileiras, sendo geralmente utilizado no piso.

Instalado em áreas internas e externas, o cimento queimado é bastante versátil na decoração. Dependendo do contexto ele pode colaborar para o ambiente ganhar ares modernos, rústicos, retrô ou sóbrios.

Piso de área externa com azulejos para contrastar com o cimento queimado. Crédito: RenataV

“O cimento queimado pode ser usado em vários pontos da casa, inclusive como acabamento em paredes e até mesmo dentro de banheiros. Não há limites para seu uso, é comum em lojas elegantes, casas de praia a até shopping. Traz certa sofisticação e ao mesmo tempo rusticidade contemporânea”, explica a arquiteta e decoradora Maria José dos Santos.

Cimento queimado usado no piso da cozinha. Crédito: Marina Dias

Está entre as alternativas mais simples usadas hoje no mercado: sua composição leva basicamente cimento e areia. É comum nas novas construções devido ao grande número de maneiras que pode ser utilizado e também à durabilidade do material, além do aspecto final.

O cimento queimado pode ser usado na fabricação de móveis, como dessa bancada. Crédito: Renata V

Para a arquiteta Salette Sobral praticidade talvez seja a palavra para definir muito bem os motivos que levam o cimento queimado ser tão bem utilizado em tantos projetos. Mesmo com tantas vantagens ela ressalta: “o principal mesmo para um bom resultado é o cuidado ao aplicá-lo”.

O material usado na fabricação do cimento queimado é simples, porém a aplicação requer cuidados e deve ser feita com mão de obra especializada. Rachaduras na massa após seca e alto relevos são comuns quando se é mal aplicado. Por isso sempre cheque se a pessoa que aplicará o produto tem experiência em trabalhos com cimento queimado.

Em Decoração
, , , ,
Postado por <brasilbrokersoficial>
16 fev

Crianças, adolescentes ou adultos, não importa. Seja qual for a idade do estudante, reservar um espaço para que ele possa organizar o material do novo ano letivo e que se sinta confortável para passar horas fazendo trabalhos, pesquisas e estudando para provas, é fundamental. Afinal, ter um espaço adequado em casa gera mais conforto e ajuda na concentração.

Alguns pais, por falta de espaço em casa, transformam parte do quarto em um mini escritório. Esta é uma boa opção, desde que a cama não seja a extensão da escrivaninha e tudo vire uma bagunça só. Além disso, deve-se pensar na iluminação correta e na questão do barulho, para que não seja excessivo.

Outra opção interessante é a integração do espaço de estudos com a sala de TV, como podemos ver no exemplo abaixo.

 

 

Neste caso, como os filhos cursam faculdade de administração e design e ficam até tarde estudando, e com o computador ligado, a alternativa mais favorável foi a integração dos ambientes. “Visando ao bem-estar de ambos, criei duas estações de trabalho rebatidas e com o mesmo lay-out. Desta forma, o projeto não ficaria poluído”, afirma a arquiteta Leila Libardi.

 

 

As cadeiras são ergonomicamente confortáveis, a impressora e o scanner embutidos, assim como toda a fiação. A iluminação foi pensada para todos os horários de uso do espaço. Elas foram embutidas na moldura em gesso no encontro da parede com o teto – e spots, que dão luminosidade cênica. Foram também colocadas luminárias de leitura, voltadas à atividade realizada, que proporcionam conforto adequado aos estudantes.

Em Decoração
, , ,
Postado por <marketing>
21 jan

Por ser um lugar tão especial, o quarto texto da série “Ano Novo, Casa Nova” é todo dedicado à cozinha. Delicie-se com as tendências para 2013.

Ela reina absoluta como o lugar para receber com aconchego! E não poderia ser diferente, já que estamos falando de um dos espaços mais mágicos da casa, aquele em que a alquimia se faz viva.

 

Sendo assim, charme e elegância não podem ficar de fora, afinal receber os amigos com requinte é o desejo de todo anfitrião.

 

As cozinhas com ar retrô estão super na moda novamente. Elas chegaram remodeladas, com inspiração nas cozinhas de fazenda, mas compostas com elementos e eletrodomésticos ultramodernos que contradizem propositalmente esta “cara” antiga. 

 

O retrô com o contemporâneo remete às cozinhas remodeladas das antigas construções londrinas. É uma mistura interessante e tudo indica que tenha vindo para ficar. A arquiteta Myrella Castilho aposta na mistura, “o resultado é agradabilíssimo e não compromete o estilo adotado no restante da casa: seja clássico ou moderno”.

 

Abuse dos ladrilhos hidráulicos, eletros com tecnologia – que todos adoram – e armários com ar retrô. Aposte em cores vivas em algumas peças de destaque, que podem ser o aparador ou a mesa.

 

Embora os mais “modernos” entortem o nariz para o uso de coisas que remetam ao clássico, Myrella deixa a dica: “Nada mais moderno do que saber utilizar essa mistura!”.

 

Myrella Castilho é formada pela universidade de Marília em arquitetura e urbanismo. No começo da carreira a profissional, estagiou com renomados arquitetos no interior de São Paulo e em 2007 abriu seu próprio escritório na cidade de Uberaba – MG, onde atuou em projetos residenciais e comerciais.

Em 2010 mudou-se para São Paulo onde desenvolveu projetos em parceria com o também arquiteto Toninho Noronha. Em seguida reabriu seu escritório e hoje atua com projetos de arquitetura, interiores e tem em sua carteira de clientes as lojas Florense de móveis e o Teatro Bradesco.

Em Decoração
, , ,
Postado por <marketing>
17 jan

A terceira matéria da série “Ano novo, casa nova”, com tendências para 2013, fala sobre a sala de jantar, local onde a família se reúne para compartilhar as experiências do dia, conversar sobre as expectativas pessoais e profissionais, trocar opiniões e ideias. Especialistas acreditam que, por ser um espaço com trocas familiares tão intensas, o ideal é que tenha poucos objetos e que eles estejam em harmonia com a personalidade da família.

No projeto abaixo, a arquiteta Deborah Roig valorizou elementos diferenciados. Usou poltronas Sérgio Rodrigues vintage revestidas com tecido laranja.

As paredes ficaram leves. Foram revestidas com papel de parede de pedrisco, imitação daquelas paredes feitas de pedras pequenas, e ganharam uma linda foto do Mário Cravo Neto. Detalhe especial para a iluminação lateral que valorizou o ambiente.

Já neste projeto, a arquiteta foi desafiada pelos clientes: “poucos gastos!”, pediram. A solução encontrada por Deborah foi garimpar alguns móveis fora de uso, mas guardados na fazenda da família. Aqui ela utilizou poltronas barrocas, mesa redonda e lustre Baccarat.

O trabalho resultou numa bela sala de estar que se integra muito bem com a de jantar. Para completar, uma bela composição assimétrica de quadros que eram importantes para a família como o do amigo e artista plástico Flávio de Carvalho, o que contrastou com as cadeiras e com peças modernas.

Neste projeto a iluminação foi um ponto bem trabalhado – a arquiteta utilizou o lustre Baccarat que conferiu destaque ao ambiente. A parede na cor púrpura deu o colorido ao espaço junto à mesa redonda com cadeiras giratórias brancas e pretas.

 

Interpretar desejos e aplicar a versatilidade para conciliar estilos e mixar elementos. Assim é o trabalho da arquiteta Deborah Roig, que tem em seu gene a sensibilidade do bom design e uma forte influência no mundo da moda em seus projetos. Paulista de origem catalã, a arquiteta iniciou sua carreira em 1992 em um grande escritório de arquitetura e decoração em São Paulo. Trocou o emprego por novas descobertas na Europa, onde estudou Lighting Design e Antiquariato na Sotheby’s, Christie’s e Victoria & Albert Museum. De volta a São Paulo, abriu seu escritório, atuando fortemente no mercado residencial e corporativo.  Já executou mais de 300 projetos e participou das principais mostras do setor como a Casa Cor São Paulo. Sua compreensão de lifestyle tem se destacado no mercado com grandes projetos de arquitetura e decoração em condomínios fechados, principalmente com casas de campo. Para saber um pouco mais do trabalho de Débora acesse o site www.deborahroig.com.br

 

 

Em Decoração
, , , , ,
Postado por <brasilbrokersoficial>
08 jan

A segunda matéria sobre tendências para 2013 fala sobre banheiros. O espaço pode não ser o primeiro local em que pensamos ao decorar uma casa, mas há quem não o esqueça e o considere até uma extensão do dormitório, transformando os banheiros em verdadeiras “salas de banho”.

E foi literalmente o que a arquiteta Silmara Salvetti fez neste projeto. Com uma janela enorme, deixou à mostra o jardim externo da casa, trazendo para o espaço mais claridade e tranquilidade, aproximando o ambiente da natureza.

Foto: Divulgação

 

Foto: Divulgação

Os tons preferidos para o banheiro ainda são os claros e neutros, mas um pouco de cor pode ser utilizado no frontão, revestimento diferenciado utilizado na parede – na altura do espelho -, na pia ou mesmo numa faixa no piso.

Foto: Divulgação

Com o banheiro aparente no quarto, é importante ter cuidado na escolha dos acabamentos. O box, com puxadores e trilho em aço inox com roldanas aparentes deixa o espaço clean. Espelhos com bizoteés – acabamentos arredondados nas beiradas -, armários ou carrinhos, que podem ser em madeira aparente tingida ou não, com aplicação de verniz náutico são suficientes para dar um toque de elegância.

Foto: Divulgação

E para finalizar, tenha sempre um vasinho com flores da estação. Elas revitalizam as energias. Toalhas enroladas, cachepôs, caixinhas… Tudo para complementar a decoração e deixar o ambiente charmoso!

Foto: Divulgação

Silmara Salvetti

 

Silmara Salvetti graduou-se em Arquitetura na Faculdade de Belas Artes, em São Paulo, com cursos de especialização da Universidade de Laramie – WY – EUA, e há dezessete anos desenvolvendo conceituados projetos nas áreas residenciais e comerciais. Silmara busca adequar as necessidades e os desejos dos clientes com materiais que traduzam aconchego, praticidade e beleza, onde combinados com os mobiliários, revestimentos e iluminação completam com sucesso a singularidade de cada projeto.

Em Decoração
, , , ,
Postado por <brasilbrokersoficial>
03 jan

Se o seu “grito de guerra” para essa época do ano é esse, saiba que você está em boa companhia. Nesse verão, três em cada quatro pessoas têm como destino uma das praias do extenso litoral brasileiro, de acordo com pesquisa realizada pelo Mercado Livre Classificados e OH! Panel.

Sendo assim, que tal deixar a casa da praia mais arejada, confortável e aconchegante? E tudo isso sem precisar dispor de um orçamento alto. Com pequenas mudanças você pode dar uma cara nova à varanda, à sala, ao quarto, à cozinha e ao banheiro. Até os eletrodomésticos entram na brincadeira, afirma a arquiteta Gleizer Rocha. Veja abaixo as dicas da arquiteta para sacudir a decoração da casa de veraneio:

Como toda casa fechada, o mofo pode ser o grande vilão. Procure deixar a casa bem aberta para aumentar a circulação de ar e entrada de luz solar. Pedras de calcário, dentro de vasilhas plásticas e embaladas com tecido fino, como o voil, ajudam a combater a umidade e evitam as traças. As folhas de louro frescas, espalhadas nos móveis, também combatem as traças. Para o odor, existem florais e plantas naturais que fazem esse papel.

As paredes estão com a pintura desgastada? Tinta nelas, que renova e ajuda a dar cara nova a casa. O teto deve sempre ser branco. Nas paredes, opte pelas cores claras, que transmitem leveza. Se desejar algo mais quente e vibrante, escolha apenas um dos ambientes para essas cores.

Se tiver varanda, aproveite o frescor do espaço para estimular a permanência das pessoas no ambiente e evitar que levem areia e água para dentro de casa. Use bancos, redes, espreguiçadeiras e cadeiras, sempre com tecidos coloridos e impermeáveis, para facilitar a limpeza.


Na sala, a decoração pode ser temática. Objetos praianos são fáceis de serem encontrados e você não precisa ficar com medo de errar. Uma sugestão é o estilo náutico. Para compor o ambiente, use uma capa de sofá listrada ou azul marinho e almofadas listradas. Nas paredes, quadros coloridos e peças da localidade com motivos de peixes e animais marinhos dão o tom. Utilize objetos de madeira ou bambu – são baratos e humanizam o ambiente, com a presença da natureza.

Ordene a mobília de forma simples, pois o segredo de se ter um lugar aconchegante é saber dispor os móveis e objetos. Casa de praia pede um ambiente mais solto, leve e arejado. Dê preferência aos materiais naturais. Tapetes não devem ser usados, pois acumulam areia e o que menos se deseja fazer nas férias é arrumar a casa, certo? As cortinas devem ser de tecido leve, que permitem a passagem da luz. A dica é usar os modelos feitos com esteira de praia.

Para os quartos, se for uma casa que recebe muitas pessoas, monte bicamas. Elas ajudam a ganhar espaço, assim como o uso de prateleiras ou aparadores, para colocar os objetos soltos e até mesmo as roupas. Essas são boas maneiras de manter os quartos organizados.

A cozinha e os banheiros merecem um toque especial. Nas lojas especializadas você encontra adesivos que imitam vidros serigrafados e desenhos ornamentais, que enfeitam as paredes dos cômodos. Eles podem ser aplicados nas portas dos guarda-roupas, nas paredes e nos eletrodomésticos, como a geladeira, por exemplo.

Este é o lugar onde você busca e preza pelo descanso e diversão para as crianças. Use a criatividade e crie um cenário sereno, de acordo com a personalidade da sua família. Na casa de praia é permitido tudo! Boas férias!

 

 

*Gleizer Rocha, formada em 1990 em arquitetura e urbanismo pela faculdade Silvo Souza. Desde então atua como arquiteta autônoma.

 

Em Dicas para o Lar
, ,
Postado por <brasilbrokersoficial>
26 set

Com o aumento das vendas de camas estilo box no país, as antigas e tradicionais cabeceiras acabaram ganhando destaque e passaram a dar um toque todo especial aos quartos. Os profissionais de decoração de interiores, antenados a esse crescimento, estão cada vez mais desenhando este móvel em seus projetos.

A arquiteta Suzana Duarte contou para o blog algumas dicas que podem ser feitas para que você tenha uma cabeceira descolada:

– Vale a pena ter uma iluminação embutida e indireta, que pode ser controlada na própria cabeceira. Esta autonomia permite ao morador criar o clima apenas aumentando ou diminuindo a intensidade da iluminação.

– Quando o problema é de espaço no quarto, uma boa solução é acrescentar prateleiras às cabeceiras pois acabam dando uma ideia de profundidade ao próprio móvel e passam a servir para apoiar livros ou equipamentos eletrônicos.

“Cabeceiras altas dão elegância ao espaço. Você pode utilizar o capitonê (tipo de estofado com os “furinhos”, botões e pregas), e escolher um tecido em tom de cinza azulado para deixar o ambiente confortável e aconchegante”, conta a arquiteta.

* Suzana Duarte é formada em arquitetura e urbanismo pela Universidade Santa Úrsula (USU) e pós-graduada em Design de Interiores pela PUC-Rio.

Em Decoração
, , , , ,
Postado por <brasilbrokersoficial>
21 set

A arquiteta Lulu Andrade tem como paixão se inspirar em grandes artistas, brasileiros e estrangeiros, para compor “suas obras de arte” nos apartamentos que decora. Batemos um papo com ela para saber um pouco mais sobre esse desafio.

Blog Brasil Brokers: Qual o artista que mais te traz inspiração? Por quê?
Lulu Andrade: Ultimamente tenho me inspirado muito nas obras do mosaicista Athos Bulcão. Gosto do jeito como ele usava as linhas retas como elemento de criação.

Blog Brasil Brokers: A internet pode ser aliada na busca por inspirações?
Lulu Andrade: Com certeza. Hoje é muito fácil viajar pelo mundo da arquitetura através das redes sociais e existem de diversos sites interessantes como Dezeen, Pinterest, Notcot, entre outros.

Blog Brasil Brokers: Existe uma boa aceitação por parte dos clientes em ter um cômodo da casa inspirado em obras de grandes artistas?
Lulu Andrade: Na maioria das vezes, esta inspiração serve como um norte no início de um projeto e vai se diluindo na medida em que o mesmo  vai sendo desenvolvido, passando a se tornar elementos pontuais que remetem a uma época ou estilo. É claro que em alguns projetos isto pode ficar mais evidente, como no caso de uma cozinha que fizemos e que foi inspirada no arquiteto catalão Gaudí. O projeto seguiu um pedido explícito do cliente, que apreciava este artista.

Outro caso foi um banheiro inspirado nos antigos banhos árabes. O espaço para desenvolver o projeto era reduzido e havia a preocupação em não torná-lo excessivamente decorado, o que poderia deixar o ambiente cansativo e fazer com que o cliente quisesse trocar o revestimento em pouco tempo.

 

Parede de uma cozinha inspirada nas obras de Gaudí

Blog Brasil Brokers: Quais foram os materiais mais utilizados para esse tipo de reforma?
Lulu Andrade: Adesivos, pastilhas, cerâmicas, mármores ou granitos podem ser trabalhados para atingir o que o cliente sonha. Como normalmente apenas uma das paredes é escolhida para dar a “cara” do ambiente, optou-se por revestimentos com tamanhos menores, como pastilhas, que deixou o espaço bem interessante e o efeito final não ficou cansativo.

Blog Brasil Brokers: O custo de um tipo de trabalho como este costuma ser elevado?
Lulu Andrade: Não necessariamente. No caso da parede inspirada em Gaudí compramos pastilhas cerâmicas com o custo bem razoável para que fossem quebradas a fim de compor o painel em caquinhos. É claro que existem caquinhos de azulejos prontos no mercado, mas neste caso a sua execução sairia cara demais.

 Para esse trabalho foram comprados azulejos coloridos e quebrados em seguida para se formar o desenho artesanalmente na parede

*Formada em arquitetura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e com MBA em gestão de negócios para arquitetos pelo IBMEC, Lulu Andrade é sócia diretora do escritório Adoro Arquitetura (www.adoroarquitetura.com.br).

Em Decoração
, , , , ,