Escolha a Cidade:

Postado por <brasilbrokers>
18 jan

Os apartamentos oferecem maior sensação de segurança do que as casas, enquanto as residências garantem mais liberdade. Confira a que melhor se adapta à sua preferência.

CASA

Para os que buscam privacidade uma das principais características de uma casa é o espaço que geralmente é bem maior que de um apartamento. Dependo do tamanho do terreno, é possível utilizar para fazer uma piscina, aumentar a lavanderia, fazer um cômodo a mais ou até mesmo investir em um quintal bem decorado ou com paisagismo, horta orgânica e outras coisas. No caso de um apartamento isso não será possível.

A casa oferece um espaço maior e a ausência de vizinhos tão próximos, criando maior privacidade. Afinal quem estabelece as regras são os próprios moradores, diferente de um apartamento, em que é preciso conviver com as regras impostas pelo condomínio.

Vale ressaltar que em uma casa você irá arcar com as despesas de manutenção, limpeza de esgoto, caixa d’água, possível problema de pintura, encanamento, dedetização.

Por isso, vale a pena uma pesquisa minuciosa e saber o que melhor atende. Nada melhor do que conversar com amigos que morem em uma e saber como é a rotina.

 

APARTAMENTO

Para os que não abrem mão da segurança, os apartamentos contam com esse quesito a seu favor, especialmente se tiver uma portaria monitorada 24h e câmeras espalhadas pelo prédio.

Outro ponto positivo é a área de lazer, essas áreas de convivência são pontos cruciais na hora de fechar negócio. Boa parte dos prédios também possuí academia própria, o que significa que, além de você e sua família se exercitarem sem sair de casa, você pode economizar com a mensalidade de uma academia particular. E uma das maiores vantagens de morar em apartamento, nesse caso, é que você tem acesso a todo esse lazer sem precisar se preocupar com a manutenção. Piscina, quintais e jardins demandam investimento, limpeza e cuidados, mas não no caso de quem mora em prédio, onde isso tudo fica por conta do condomínio.

 

Pense em todas as antes de fechar negócio. Agora, se você quiser equilibrar os benefícios de cada um deles, verifique a possibilidade de mudar para uma casa dentro de um condomínio.

Ficou com alguma dúvida e quer ter a opinião de um especialista? Entre em contato conosco pelo site e converse com um Consultor Brasil Brokers, vamos te ajudar a encontrar um imóvel adequado para você!

Em Mercado Imobiliário
, , ,
Postado por <brasilbrokers>
05 dez

O tão sonhado caminho para a casa própria é algo que a maioria das pessoas almejam. Para isso, é necessário que você entenda que comprar um imóvel é um investimento para você e sua família. Listamos algumas dicas para a escolha do seu lar.

 

1- Estado de conservação

Definir um tipo de imóvel possibilita uma busca mais segmentada e objetiva. Portanto, quanto mais precisas a escolha do seu imóvel, mais chances de encontrar o que você tanto sonhou.

Caso ele seja novo, faça uma avaliação minuciosa: o estado de conservação dele tende a ser melhor, ou seja, menos estresse na hora de fechar um bom negócio.

Se o imóvel for usado, é necessário uma vistoria muito mais detalhada, vá mais de uma vez no imóvel e confira tudo: caimento de águas nas torneiras, infiltrações, veja os disjuntores, possíveis rachaduras, entre outras partes. Se possível, peça um relatório do imóvel e também do prédio. Assim, a sua compra será mais segura e sem dores de cabeça.

 

2- Localização

Após gostar de um imóvel, o primeiro passo é você caminhar pelo bairro, conhecer a vizinhança e saber o que ele oferece próximo a você. Veja se tem mercados, farmácias, colégios, hospitais, padarias, etc. São esses pontos que vão poupar seu tempo, isso é um aliado na hora de escolher seu imóvel. Depois disso, certifique-se se as opções de transportes no local são adequadas às necessidades da sua família. Questione se tem trânsito, ponto de ônibus, metrô e fácil acesso para os locais que você frequenta. Essas são perguntas necessárias na hora de fechar um bom negócio.

3- Segurança

Esse é um ponto muito importante, e não é apenas do bairro, mas também do local que você vai morar. Se tem porteiro, câmeras de filmagem, como é feito a entrada de visitantes, entre outras precauções. Se o imóvel for uma casa, vale a pena redobrar os itens de segurança. Por fim, não se esqueça de conversar com os vizinhos e perguntar sobre a segurança no bairro.

Agora que você já sabe mais um pouco sobre como comprar um imóvel de forma segura e prática, entre em contato com a Brasil Brokers e confira as nossas oportunidades exclusivas: acesse o site ou vá até a loja mais próxima de você.

O seu sonho da casa própria está bem  próximo, acesse nosso site e encontre um cantinho para chamar de seu !

 

Em Institucional
, , , ,
Postado por <brasilbrokers>
27 nov

Quando decoramos uma sala de estar, existem três peças chaves que ajudam a garantir um visual mais harmonioso na decoração, são elas: o sofá, o tapete e a cortina. Por este motivo, na hora de combinar cada um destes itens, é bom seguir algumas dicas, que vão lhes ajudar na hora de montar uma combinação harmoniosa, elegante e convidativa. O ambiente precisa ser confortável, que você se identifica e que combina com o seu jeito. Nesse post vamos te mostrar algumas dicas para você caprichar na sua decoração.

 

Escolhendo o sofá

Como ele é o centro do ambiente, o mais indicado é o uso das cores neutras, que podem ser complementadas com o colorido da cortina e do tapete, ou em tons de cores que se complementem entre si na hora da decoração. Outra dica é que ele seja confortável, ou seja, prefira os tecidos mais leves, como o algodão, suede ou linho

 

Escolhendo a cortina

O segundo item importante que compõem a decoração do ambiente é a cortina, que além de ser decorativa ajuda na iluminação e ventilação do cômodo. Aqui a escolha das cores é importante para a luminosidade da sala, com o uso de cores quentes para ambientes pouco iluminados, e cores frias para ambientes bem iluminados.

 

Escolhendo o tapete

No final, é a chegada do tapete, peça que pode ser usada na casa toda. E, deve ser harmonioso tanto com relação a cortina quanto com o sofá. Ele pode ser integrado, com cores neutras para poder não marcar tanto a sua decoração, afinal ele é um item a mais na sua sala.

Uma dica importante é que o modelo do tapete não seja maior que o sofá, e sempre colocá-lo com um dos seus lados em cima do sofá para evitar acidentes e integração com o ambiente.

 

Por último, uma boa combinação é a parte principal da sua sala, use a sua imaginação para compor o ambiente e lembre-se que é seu gosto quem vai ditar as regras.

Separamos alguns modelos para você se inspirar e decorar a sua sala !

 

FONTE PINTEREST

FONTE PINTEREST

FONTE PINTEREST

FONTE PINTEREST

FONTE PINTEREST

Em Dicas para o Lar
, , , ,
Postado por <brasilbrokers>
17 nov

Ele é o protagonista da sua sala, responsável l não só por ser o ponto chave da décor, mas também por agregar conforto ao seu espaço. A seguir você confere um passo a passo para que fizemos para te orientar a escolher o sofá ideal para sua sala. Para ajudar, listamos cinco pontos que não podem passar batidos no processo de escolha do sofá ideal. Confira !

1-Atenção nas medidas da sua sala

Este primeiro passo é essencial para não cair na tentação de comprar um sofá grande demais ou pequeno demais para o espaço. Meça a sua sala e compare com o tamanho da sua sala, e não esqueça de levar as medidas na loja. Assim será mais fácil encontrar um sofá que seja adequado ao seu ambiente

2-Calcule o tamanho

Com as paredes da sala medidas, você vai ter uma noção do tamanho do sofá. Se a maior das paredes tiver menos de 2,5 metros, o ideal é um sofá de dois lugares. Se ela for superior a 2,6 metros, o sofá pode ser de três lugares ou mais. O ideal é que ele tenha cerca de 90 cm de largura para que o conforto não seja prejudicado.

3-Modelo ideal

Para salas compactas, é aconselhável escolher um modelo sem braço para otimizar o espaço, já que cada braço do sofá pode ocupar até 30 cm. Ao escolher um modelo sem braço, você integra e amplia mais o espaço, mas nada impede que um modelo com braço seja usado. Caso você opte por ele, o ideal é escolher um sofá de dimensões mais reduzidas.

4-Cor ideal

Por muito tempo o bege foi considerado a cor coringa do sofá da sala. Hoje, no entanto, tonalidades cinza e azul disputam o pódio com ele. Escolher um sofá em uma cor mais neutra é a melhor opção no quesito durabilidade. Cuidado com paredes coloridas ao escolher cores fortes, elas podem destoar ou não combinar com o ambiente.

5-Tecido

Para a escolha do tecido , a definição do uso principal do sofá também é primordial. Se ele for usado para a sala de TV, é interessante um tecido de algodão para garantir o conforto ou mesmo de couro, que garante a praticidade. Para receber as visitas, linho e o próprio couro também são bem-vindos.

Em Decoração
, , , , ,
Postado por <marketing>
13 jul

Diferentemente do que acontece em todo o Brasil, quando a tendência é de queda no preço do m² (metro quadrado), Cabo Frio se destaca por sua variação positiva no último ano.

Nos últimos 12 meses, diversos bairros da cidade tiveram variação do m² superior a 10%. Vale ressaltar os bairros de Ogiva e Vila Nova, que tiveram alta de 20% no preço do m².

De acordo com o Secovi-RJ (Sindicato da Habitação), este aumento de preço do m² na região pode ser explicado, em parte, pela grande procura de compradores de outras regiões, especialmente do Rio de Janeiro, atraídos pelos preços bem mais em conta – o valor mais alto do m², no Centro, é de R$ 7.017, quase três vezes menor que o praticado em Ipanema, na Zona Sul carioca.

A tranquilidade da cidade também explica esta alta procura por imóveis na região. Outro fator é o investimento em imóveis para locação, uma vez que a procura por aluguéis de temporada na cidade continua estável.

Praia do Foguete - - Imagem Prefeitura de Cabo Frio

Praia do Foguete – – Imagem Prefeitura de Cabo Frio

Vendas em Cabo Frio

Segundo uma pesquisa realizada pelo Secovi-Rj, intitulada Cenário do Mercado Imobiliário de Cabo Frio, os apartamentos de 1 dormitório foram os que apresentaram maior valorização entre abril de 2015 e 2016. Para estas unidades o valor do m² passou de R$ 6.213 para R$ 6.834. O principal público deste tipo de imóvel são investidores que buscam  renda com aluguel de temporada.

Com relação as coberturas, as de 3 dormitórios tiveram valorização expressiva de 15,21% no preço do m² que ficou em R$ 5.661. Valor próximo ao cobrado em Jacarepaguá, bairro da zona oeste do Rio.

Estes dados mostram que Cabo Frio é um bom lugar para se investir em imóveis, seja para morar, alugar ou revender!

Praia do Forte - Imagem Freepik

Praia do Forte – Imagem Freepik

Em Mercado Imobiliário
, , , , , , ,